Archive for fevereiro \26\UTC 2011

O VELHO MICHEL DEVE MORRER? – Buy Manoel Serdan

fevereiro 26, 2011

Eu afirmo com toda certeza, com toda veemência, afinal, alguém que nem lembro mais o nome… lembrei! Michel Serdan, disse que os velhos empresários devem morrer (ui, calma boneca!). Se precisar, grito para que o mundo todo ouça que eu escrevo em braile (vai que o tal Serdan é surdo e mudo, gagá ele já é!). NÃO, os velhos empresários não devem morrer, só os novos empresários devem morrer!

O problema todo é só porque a luta livre brasileira não consegue sair do buraco, porque alguns dos chamados novos empresários (que devem morrer), sem imaginação nem criatividade, empurraram-na ainda mais para o fundo do poço, sabem como? Trazendo a WWE de volta à TV brasileira. E meu primo garantiu, com todas as letras, que nada saiu de Stanford, Nova Iorque, sede da WWE. Lamento decepcioná-los, mas a WWE não volta pro Brasil.

Preciso de algo?

Descobri recentemente que tem uma equipe sem lutadores e tem uma que faz as lutas do programa e só troca as máscaras, a roupa não precisa. Essas duas são chamadas Raw e Smackdown e o Raw está de volta, no canal Esporte Interativo. Mas o povo é trouxa e não vê esse canal medíocre, antipático e com rejeição.
Com isso, vão empurrando a luta livre abismo abaixo. Eu não conheço nenhum empresário novo, em parte nenhuma do mundo, fazendo sucesso. Todos os que conheço (EUA, México, Japão, Argentina, ou seja, o mundo inteiro) estão acima dos 60 quilos. Isso já encheu, vamos mudar um pouco o assunto.

Em vários países do mundo, costumam cultuar as lendas da luta livre, tanto os velhos empresários quanto os lutadores, mas no Brasil isso não acontece, sabe por que? Porque o velho empresário é o lutador, o campeão, o dono, o patrão impiedoso.

Mas o curioso é que eu cago (principalmente) e ando para isso, sabem por que? Mesmo que muitos lutadores também caguem, eu continuo cagando mais, graças ao Tamarine.
Faz uns 35 anos que tinha um lutador chamado Ted Garoto Marino, uma das maiores lendas da luta livre. Ele comprou uma Kombi, construiu um ringue em cima, aliou-se a mais três lutadores do Rio e viajou para o Nordeste, realizando lutas. Imaginem como eram as lutas, naquela amostra grátis de ringue e que ninguém se pendurasse nas cordas, porque a Kombi virava. Mesmo assim, foi ali que nasceu a semáforo match.

Ele não pensava que o povo era trouxa, pensava que eram uns trapalhões. Mas o povo não o era e isso repercutiu no desinteresse pela luta livre e no interesse por Didi, Dedé, Mussum, Zacarias e pelo meu primo, o Sargento Pincel.
Hoje ainda existem maus empresários por culpa dos fãs, pois são eles que alimentam os maus empresários, dando saquinhos de sal em troca de lutas de baixa qualidade. Pois vamos fazer um pacto!

Vamos dizer NÃO aos maus empresários, matando os novos e mantendo os velhos vivos e gagás, cuidando de seus blogs de baixa freqüência. Lutas nas ruas, nas esquinas, sem prestígio e em troca de esmolas, nunca mais!
Da minha parte só posso dizer o seguinte: sou um velho empresário do mundo das padarias, tento sempre fazer o melhor possível, muitas vezes com prejuízo financeiro e só peço um pouco mais de respeito.

Comprem pão e acompanhem a WWE no TV Esporte Interativo. Gigantes do Ringue nunca mais!

Seu blog vai me cegar!

fevereiro 21, 2011

É praticamente impossível ler um artigo decente, até porque ninguém sabe escrever nesses blogs, um dia desses(quase agora) eu tentei ler um review do WWE Superstars no Blog Canal Wrestling.

Opiniões que marcam a sua vida: "...Mas até que foi boa"

As vezes é pior, eles descrevem cada golpe com os nomes que aprenderam no wikipédia em algum Top 10 moves no youtube. Mas não conseguem te dizer mais do que “boa luta”, “luta ruim”. Ok, eu não quero que você transcreva a luta eu quero saber se vale a pena assistir!

Um dia eu lí um artigo sobre a internet, esse artigo dizia que o próximo passo era que a internet tivesse cheiro. Eu prefiro que não. Mas eu fico imaginando que se alguns blogs da nossa blogosfera tivesse cheiro eles cheirariam igual a penteadeira de puta. Alguns são mais poluídos que Cubatão e São Paulo juntas. As vezes eu tenho medo de ter um ataque epiléptico.

Protejam seus olhos!


Os caras enfiam numa única pagina, um chat, countdowns de eventos, enquetes, propaganda, o power 25 da WWE, foto da mãe pelada…

Aliás eu falei chat né… Não tem coisa pior que entrar em um blog desses e o maldito chat ficar fazendo um barulho irritante, que provavelmente foi feito para que você nunca mais acesse uma merda dessas com um headphone. Ou que você só volte a acessar no dia que estiver surdo.

Os rumores já estão praticamente confirmados, a WWE estará de volta a televisão brasileira logo logo e com isso provavelmente teremos muitos blogs surgindo. Eu podia fazer aqui um apelo aos futuros blogueiros, podia pedir para que enchessem mais essa privada. Mas como não vai adiantar eu só vou preparando os dedos, porque teremos muito material futuramente!

Universo Noob 2.0 e mais uma do Manoel

fevereiro 11, 2011

Em breve nós espiritos de porco do Universo Noob faremos uma reformulação no blog. A idéia e torna-lo mais escroto e mais indiscreto. Queremos ser cada vez mais odiados. Mas enquanto trabalhamos nisso, os nossos cronistas tentando manter seus empregos continuam trabalhando, mesmo que em ritmo muito lento. Fiquem então com mais um infame artigo de Manoel Serdan.

Manoel Serdan – O Lutador, buy Manoel Serdan

Comecei a treinar judô aos oito anos de idade (1939) e, ao atravessar a rua na faixa branca, quebrei o braço ao ser atropelado por um carro. Durante os anos de judô (29), sofri diversas contusões.
Quando completei 17 anos (1955), estreei profissionalmente na luta livre ao passar a mão na mulher do maior empresário de lutas que o Brasil, Portugal e até o mundo já teve, o brasileiro Michel Serdan. Ele partiu para dentro e nós caímos na porrada numa festa de família.

Em 1966, véspera do jogo Portugal x Brasil na TV Tupi, lutando contra o lutador Buraconari, quebrei o esfíncter, causando-me lesões que carrego até hoje, tornando-me um cagão ambulante, com dificuldades de controlar o fluxo defecal, principalmente à noite.

Um dia, minha primeira esposa, já falecia, depois de mais uma das nossas intermináveis sessões de sexo, disse: ou eu ou a luta! Alguns dias depois ela faleceu, ao ser derrubada de uma escada e de ter engolido a dentadura pelo crânio.
Levei uma pancada no ânus, que atingiu minha ponte de safena, causando-me mais um alargamento na região anal, obrigando-me a usar um segurador de nádegas por um bom tempo.

Lutando contra o Mister Espanha, num circo, chovendo, com a lona no chão e serragem embaixo, ao tentar uma espanhola,suas pernas prenderam meu peito, fazendo com que errasse o golpe. Só que suas bolas me atingiram no queixo, quebrando-o e fazendo com que eu perfurasse meu pulmão. Saí do circo direto para o hospital, onde fiquei internado fazendo tratamento durante 8 meses ininterruptos, tomando soro com mais de 9 tipos de remédios, incluindo Bobol, Imbecilix e Tamarine.

Em 2002, já na nova geração, treinando para mais uma luta espanhola, com o meu parceiro e amigo Elefante da Tromba Rosa, rompi um músculo do peitoral esquerdo e que me causa problemas. Espanholas nunca mais!
Ainda na nova geração, ao fazer marcação de uma luta contra o fortíssimo Sério Lourdes, ele errou um golpe, caindo com todo o seu tamanho sobre mim, me quebrando 4 costelas, parte do pênis, meia coxa direita e parte da bacia hidrográfica deuma só vez. Foi quando senti que era hora de parar, mas eu estava quase lá! O gordo Lourdes continuou pulando em mim para podermos finalizar os trabalhos.

Marquei, então, uma disputa da cinta de couro, com o lutador Poço Touro, onde perdi, preso na cinta e banhado em porra.

SERÁ QUE ALGUÉM GOSTA MAIS DE LUTA LIVRE DO QUE EU???